Singrando Horizontes

Vive muito mais feliz
quem bebe as águas das fontes,
e, também, minh´alma diz,
quem vai Singrando Horizontes !
(Ialmar Pio Schneider - Porto Alegre/RS)

Vai, Singrando Horizontes,
O infinito é a ambição
rumo aos mais distantes montes,
rumo à imaginação!
(Sinclair Pozza Casemiro - Campo Mourão/PR)

Você é a Gralha Poeta
que leva nossa poesia
ao mundo, em que o grande esteta
criou com tanta harmonia!
(Nei Garcez – Curitiba/PR)
Nas artes e na literatura, vão surgindo as classificações didáticas, as separações por faixas etárias, estilos, temáticas etc. Ha professores e alunos no Brasil, que aprendem só isso da produção artística. Decoram nomes, escolas e datas, mas não se embrenham nos livros, preferem o futebol ou o vídeo-game. A Literatura de boa qualidade nos empolga, lemos sem poder largar o livro, as páginas suscitam nossa emoção, respondem ou provocam perguntas.

Sem a Literatura acumulada nos séculos, o ser humano estaria muito mais próximo da animalidade que ainda o caracteriza nas páginas policiais. Em minhas oficinas ninguém gasta muito tempo com aquela americana lista de soft, hard etc. etc. Falamos em cenas que não saem da memória, em emoções que derramam lágrimas, falamos em idéias e como expressa-las com eficiência. Quem entra em um Museu não fica procurando renascentistas, impressionistas, dadaistas, cubistas ou abstracionistas. O espectador inteligente não procura escolas ou datas, procura obras primas. Nossa ambição deve ser a obra-prima.

(André Carneiro)


Fonte da Imagem da Pomba = http://www.senado.gov.br/portaldoservidor/jornal/jornal121/qualidade_vida_paz.aspx

sábado, 17 de setembro de 2011

Pedro Ornellas (Saudade é…) Parte 1 e 2


Trovas que Definem Saudade

1
Saudade é tudo que fica,
de uma ventura fugaz...
No pranto que não se explica!
No verso que não se faz!
Erasmo Silva – SP

2
Saudade, mágoa sentida,
barco distante do cais;
pedaço da própria vida
que a gente não vive mais...
Marta Maria Paes de Barros – SP

3
Vou andando e, sem barulho,
vem à tona um triste fato:
a saudade é um pedregulho
que não sai do meu sapato!
Olivaldo Júnior - SP

4
Sodade, uma dô que dá,
mas num é dô de doê;
é vontade de alembrá
cum vontade di isquecê!
Luiz Peixoto - RJ

5
Saudade dentro do peito
é qual fogo de monturo...
Por fora tudo perfeito,
por dentro fazendo furo.
Patativa do Assaré - CE

6
O que seria a saudade
se não fosse o que ela é:
viver hoje, com vontade,
de sonhar de marcha à ré.
Ilnea Miranda

7
A saudade é um passarinho
em teimosa migração...
vem do passado, e faz ninho
nos beirais do coração.
Héron Patrício - SP

8
Saudade, no descampado
do meu coração descrente,
é semente do passado
germinando no presente...
João Paulo Ouverney - SP

9
Saudade é uma diligência
que nos leva, docemente,
com repetida freqüência,
ao velho oeste da gente!
Waldir Neves – RJ

10
Minha amiga; que besteira!...
Fugir da saudade vossa?!
Saudade é como coceira:
Só coça se a gente coça...
José Araújo Sobrinho - PB

11
Saudade... mal comparado
tem esta definição:
Cerca de arame farpado
em volta do coração!
Ailton

12
Saudade: expressão mais bela
de tudo que já se foi;
é como abrir a janela
ao passado e dizer: "Oi"!
José Ouverney - SP

13
Há uma dor, que dá no peito,
que se agrava com a idade
remédio não faz efeito,
quando a doença é saudade!!!
Roseli

14
Camarão preso na grade
do matapi resistente:
é assim que vejo a saudade
presa no peito da gente!...
Antônio Juraci Siqueira - PE

15
Saudade – uma vida cheia
de outra vida que passou:
- marcas de passos, na areia,
que o tempo não apagou!
Ferreira Gullar - MA

16
Talvez te diga uma asneira,
mas meu avô já dizia:
"A saudade é companheira
de quem não tem companhia"...
José Araújo Sobrinho - PB

17
Saudade é doce lembrança
se traz promessas consigo.
Saudade sem esperança,
não é saudade... é castigo!
Alcy Ribeiro Souto Maior - RJ

18
Saudade é brasa apagada
debaixo da cinza quente;
Basta uma leve soprada
e ela acende novamente!
Ailton

19
Saudade - doce maldade,
que a gente sente e não vê,
mas eu vejo esta saudade,
esta saudade é você!...
Anis Murad - RJ

20
Saudade... palavra linda,
de sete letras... Saudade
é noite que tem ainda
lampejos de claridade.
Belmiro Braga - MG

21
A saudade é simplesmente,
um claro espelho encantado,
mira-se nele o presente
e ele reflete o passado.
Geralda Armond – Juiz de Fora MG

22
Saudade – velho retalho
da eterna luz refletida
sobre a gotinha de orvalho
na folha seca da vida!
Adelir Machado – Niterói RJ

23
Na ausência que não nos poupa,
saudade é formiga arisca
que fica dentro da roupa
e volta e meia belisca.
Flávio Roberto Stefani – Porto Alegre RS

24
Senhora de cada instante
das minhas horas vazias,
a Saudade é uma constante
na inconstância dos meus dias...
Waldir Neves – Rio de Janeiro RJ

25
Esta dor no coração!
Esta angústia!... esta ansiedade!
Para a ciência é depressão,
para quem ama é saudade.
Heribaldo Gerbasi – São Paulo SP

26
A saudade é conhecida
como a dor do amor ausente...
Saudade não tem medida
só sabe o tanto quem sente.
Djalma Mota – Caicó RN

27
Entre nós não há mais nada,
mas ante a prova de fogo,
saudade é carta marcada
que acaba ganhando o jogo!
Alba Cristina – São Paulo SP

28
Saudade: clarão fulgente
num viver tristonho, obscuro.
Um pouco do antigamente
que passa para o futuro!
Helena Ferraz (Álvaro Armando) - RJ

29
Saudade é folha caída,
é um precoce envelhecer,
é a distância mais sentida
do que, perto, se quer ter...
Antônio Colavite Filho – SP

30
Saudade – frasco dourado,
vibrando na alma da gente,
traz perfumes do passado
que sentimos no presente.
Severino S. Souza – Porto Alegre RS

31
Saudade – eterna pontada
que a gente sente e não diz;
uma lembrança apagada
do tempo em que foi feliz!
Diamantino Ferreira – Campos RJ

32
É a saudade uma ausência
do bem que a gente perdeu,
é a fragrante e amarga essência
de uma ilusão que morreu !
Neide Freire – Fortaleza CE

33
Vivemos longe, é verdade,
mas estejas onde for,
eu chego lá “de saudade”:
a ponte aérea do amor.
Dorothy Moretti – Sorocaba SP

34
Tendo a paixão como escolta
e o coração em sentido,
saudade é um sonho que volta,
sem que nunca tenha ido!
Eduardo A. O. Toledo – MG

35
Quanto mais o tempo avança
mais eu fico a perceber.
que a saudade é uma lembrança
que se esquece de morrer.
Miguel Russowsky – SC

36
Saudade, um mar de lembrança
na praia do pensamento,
onde a jangada balança
no sopro leve do vento!
Geraldo Lyra – Recife PE

37
Dona Saudade, velhinha,
bordadeira paciente,
não tem agulha nem linha,
mas borda os sonhos da gente!
Onildo de Campos – Rio de Janeiro RJ

38
Saudade é um velho barquinho
que vence o tempo e a distância
e recolhe, no caminho,
os pedacinhos da infância ...
Ercy Maria Marques de Faria – Bauru SP

39
Partiu, deixando o seu traço
no meu caminho dos sós...
- A saudade é esse espaço
que existe sempre entre nós.
José Valdez C. Moura - Pindamonhangaba SP

40
Lembra a saudade uma estrela
nas águas de um ribeirão
que fica sempre a retê-la,
enquanto as águas se vão...
Luiz Antônio Pimentel – Niterói RJ

Fonte:
Trovas enviadas pelo autor

Nenhum comentário:

Autor Anônimo (Oração do Cão Abandonado)

DEUS
Sei que sou um ser criado por ti, para ser amado
pelos homens mas nasci sem a sorte de alguns de minha espécie.

Hoje meu dono levou-me a um passeio de carro.
Chegamos em uma praça, ele tirou minha coleira,
me fez descer do carro, e virando-me as costas,
foi embora e nem se despediu.

Tentei segui-lo mas o carro corria muito e não pude alcançá-lo.
Caí exausto no asfalto. Ainda não entendi. Por que ele me abandonou?

Eu sempre o recebi abanando o rabo, fazia festa e lambia seus pés.
Sempre lati forte, para defendê-lo e afastar os estranhos da porta.

Eu brincava com as crianças... ah! elas me adoravam.
Que saudades. Será que elas ainda se lembram de mim?

Deus, eu fico imaginando como seria bom se eu pudesse
comer agora. Puxa, estou faminto.

Não tenho água para beber, e estou tão cansado.

Procuro um cantinho onde possa me abrigar da chuva,
mas muitas vezes sou chutado.
As pessoas não gostam muito de mim aqui nas ruas.

Estou fraco, não consigo andar muito,
mas encontrei enfim um lugar para passar essa noite.

Está muito frio e o chão está molhado.
Já não tenho pêlo para me aquecer, estou doente,
e creio que ainda hoje vou me encontrar contigo.
Aí no céu meu sofrimento vai terminar.

Peço-vos então, pelos outros, por todos os cãezinhos e animais
abandonados nas ruas, nos parques, nas praças.

Mande-lhes pessoas que deles tenham compaixão,
pois sozinhos, viverão poucos meses, serão atropelados,
sofrerão maltratos dos impiedosos. Proteja-os.

Amenize-lhes esse frio, com o calor das pessoas abençoadas.

Diminua-lhes a fome, tal qual a que sinto, com o alimento do amor que me foi negado.

Sacie-lhes a sede com a água pura dos Seus ensinamentos.

Elimine a dor das doenças, dos maltratados, estirpando a
ignorância do homem.

Tire o sofrimento dos que estão sendo sacrificados em atos
apregoados como religiosos, científicos, tirando das mãos
humanas a sede pelo sangue.

Abrande a tristeza dos que, como eu, foram abandonados,
pois, dentre todos os sofrimentos, esse foi o maior e mais
duro de suportar.

Receba, DEUS, nesta noite gelada, a minha alma, e
minha oração pelos que aqui ficam. É por eles que vos peço,
pois não são humanos, mas são Seus filhos, e são leais e inocentes, e foram criados por Suas mãos e merecem o Seu abrigo.

Amém.

Enviar a pagina em pdf por e-mail

Send articles as PDF to