Singrando Horizontes

Vive muito mais feliz
quem bebe as águas das fontes,
e, também, minh´alma diz,
quem vai Singrando Horizontes !
(Ialmar Pio Schneider - Porto Alegre/RS)

Vai, Singrando Horizontes,
O infinito é a ambição
rumo aos mais distantes montes,
rumo à imaginação!
(Sinclair Pozza Casemiro - Campo Mourão/PR)

Você é a Gralha Poeta
que leva nossa poesia
ao mundo, em que o grande esteta
criou com tanta harmonia!
(Nei Garcez – Curitiba/PR)
Nas artes e na literatura, vão surgindo as classificações didáticas, as separações por faixas etárias, estilos, temáticas etc. Ha professores e alunos no Brasil, que aprendem só isso da produção artística. Decoram nomes, escolas e datas, mas não se embrenham nos livros, preferem o futebol ou o vídeo-game. A Literatura de boa qualidade nos empolga, lemos sem poder largar o livro, as páginas suscitam nossa emoção, respondem ou provocam perguntas.

Sem a Literatura acumulada nos séculos, o ser humano estaria muito mais próximo da animalidade que ainda o caracteriza nas páginas policiais. Em minhas oficinas ninguém gasta muito tempo com aquela americana lista de soft, hard etc. etc. Falamos em cenas que não saem da memória, em emoções que derramam lágrimas, falamos em idéias e como expressa-las com eficiência. Quem entra em um Museu não fica procurando renascentistas, impressionistas, dadaistas, cubistas ou abstracionistas. O espectador inteligente não procura escolas ou datas, procura obras primas. Nossa ambição deve ser a obra-prima.

(André Carneiro)


Fonte da Imagem da Pomba = http://www.senado.gov.br/portaldoservidor/jornal/jornal121/qualidade_vida_paz.aspx

quarta-feira, 30 de março de 2016

A. A. de Assis (Revista Virtual de Trovas "Trovia" n. 190 - abril de 2016)



Para encurtar a distância,
que nos separa na vida,
do teu perfume, a fragrância,
foi minha arma escolhida!

Araceli Friedrich

-
Se acaso eu fosse rainha,
dava a você meu reinado;
e se fosse uma andorinha,
o meu ninho no telhado.

Colombina

-
Talvez eu fosse feliz
se conseguisse esquecer
o bem que pude e não fiz,
o mal que fiz sem saber.

Delmar Barrão

-
Ao beijar a tua mão,
que o destino não me deu,
tenho a estranha sensação
de estar roubando o que é meu...

Durval Mendonça

-
Saudade, lembrança triste
de tudo que já não sou ...
Passado que tanto insiste
em fingir que não passou. . .

Edgard Barcellos Cerqueira

-
Em que infinito se esconde
esse Deus tão grande assim?
E minha fé me responde:
Não se esconde. Mora em mim.

Élton Carvalho

-
Eu te quero às escondidas,
e, se essa espera durar,
te esperarei quantas vidas
for necessário esperar!

Eugênia Maria Rodrigues

-
Canto em versos, pouco a pouco,
todo o amor que me enclausura:
se ser poeta é ser louco,
bendigo o amor e a loucura!

Florestan Japiassú Maia

-
O coração nasceu mudo,
Deus fê-lo assim de prudente,
para que não conte tudo
que vai por dentro da gente.

Floriano Lemos

-
Naquela criança linda
que brinca, cheia de pressa,
o meu mundo, que se finda,
fita um mundo que começa.

Galdino Andrade

-
A vida o tempo devora;
o próprio tempo não dura.
Colhe a alegria de agora,
para a saudade futura.

Helena Kolody

-
Nesta cabana esquecida,
e sem você, que sou eu?
Um resto, talvez, de vida,
que a própria vida esqueceu...

Helvécio de Barros

_________________________________________________________________
A bênção, meu bom Luiz, / mestre Otávio, amigo-irmão... /
Tens, qual Francisco de Assis, / a trova no coração! (aaa)



Foi fofoqueira a danada,
até que enfim se curou...
Agora é muda, coitada,
a língua dela gastou...

Clenir Neves Ribeiro - RJ

-
A gente vê, de manada,
estrela... lua... e planeta...
Basta uma boa topada
numa quina de sarjeta!!!

Héron Patrício - SP

-
Incrementando os instantes
partilhados por nós dois,
melhor que um conhaque antes
é aquele que vem depois!

José Ouverney - SP

-
Preso em flagrante arruaça,
diz num sonoro impropério:
- Prendam também a cachaça,
que é quem me tira do sério!

Maria  Madalena Ferreira - RJ

-
Enrubesceste, engraçado,
porque, amor, eu te beijei.
Imagino o teu estado
se eu fizesse o que pensei...

Olympio Coutinho - MG

-
Galinha grávida, ou seja,
a tal de galinha choca,
vendo o galo, cacareja:
- Hoje num tem... num me toca!

Osvaldo Reis - PR

-
A plateia se espantou:
o  ator saiu do roteiro,
desesperado, e gritou:
- Meu reino por um banheiro!

Selma Patti Spinelli - SP

-
Minha vizinha, coitada,
ao visitar sua prima,
tropeçou... caiu da escada...
e foi  para o andar de cima ...

Therezinha Brisolla - SP



De repente tudo para,
provocando calafrios...
Ouve-se o canto da Iara
chorando a morte dos rios!

A. A. de Assis - PR

-
Xadrez? Tenha paciência!...
Amor, não quero jogar;
opto pela transparência
que brilha no teu olhar.

Agostinho Rodrigues - RJ

-
A chuva, caindo mansa
na terra recém-plantada,
faz renascer a esperança
de uma colheita abastada.

Alberto Paco - PR

-
Toda vez que você canta,
encanta e a palmas faz jus.
A plateia se levanta
e o seu canto se faz luz.

André Ricardo Rogério - PR

-
Beleza conservo ainda,
não tal qual quando era nova.
Mas me sinto bem mais linda
quando componho uma trova.

Ângela Ramalho – PR

-
A solidão enlouquece,
põe a vida à revelia...
Então o mar escurece
e de tristeza esvazia.

Ari Santos de Campos - SC

-
A vida é sonho que passa
e que não volta jamais.
Por isso, vem e me abraça,
que a vida é curta demais!

Arlene Lima - PR

-
Eu fico avexado quando
faz ela um carinho em mim...
Nela há energia sobrando,
e a minha já está no fim!

Arnaldo Ari - RJ

-
Transformando em agasalho,
a ternura que te invade,
sou quase nada e não valho
do teu terço nem metade.

Benedita de Azevedo - RJ

-
Pesquise qualquer história
do egoísmo no caminho;
nunca encontrará vitória
de quem se serviu sozinho!

Byron Bernardes Junior - RJ

-
Sem notar que a vida passa,
esta emoção me extasia:
Meus netos correm na praça
onde, em criança, eu corria!

Carolina Ramos - SP

-
Tão esquiva eu me senti,
provando os carinhos seus,
que a partida, eu pressenti,
foi muito antes do adeus.

Conceição de Assis - MG

-
A esperança também gera
o mal que a saudade tem,
quando a gente vive à espera
do sonho que nunca vem.

Cônego Telles - PR

-
Quiero siempre despertar
con trinos por la ventana,
que las aves saben dar
con fervor cada mañana.

Cristina Oliveira Chávez – USA

Nem sempre o beijo seduz,
o que nos causa aflição.
Pois no tempo de Jesus
o beijo foi traição.

Cristóvão Spalla – RJ

Quem leva a vida no amor,
dos sonhos nunca se cansa,
que o mundo só perde a cor
quando se perde a esperança.

Dáguima Verônica – MG

Empilhados na memória,
um a um, mesmo à distância,
escreveram linda história
os meus brinquedos de infância.

Delcy Canalles – RS

Não sou ave nem sou peixe,
nunca aprendi a nadar,
mas peço a Deus que me deixe
num dia desses voar!

Diamantino Ferreira – RJ

Nesta vida rotineira,
tua saudade em minha alma
é cantiga de goteira
em noite de chuva calma!

Domitilla Borges Beltrame – SP

Coração deixado vago
lamenta ter que informar:
fizeram-lhe tanto estrago,
que não dá mais pra morar.

Dorothy Jansson Moretti – SP

Sem qualquer mancha ou resíduo
nos pilares da moral,
na ética é que o indivíduo
mostra o seu valor real.

Eliana Jimenez – SC

Astro de imensa grandeza,
incomparável farol!
E a Terra, com esperteza,
dá um giro e  apaga  o Sol!

Eliana Palma – PR

Eu sou guerreira e não nego
meu instinto lutador,
mas renuncio e me entrego
se a luta for por amor!

Elisabeth Souza Cruz – RJ


_________________________________________________
Luiz Otávio deu provas /  de ser grande e iluminado: / fez uma esteira de trovas / em seu caminho encantado! (Thereza Costa Val   MG)

Mais de oitenta e ainda menino,
gratíssimo ao Criador.
Deste planeta inquilino,
peço mais prazo, Senhor...

Euclymar Porto - RJ

-
Da cadeira que balança,
e dos seus olhos tristonhos,
trago, na minha lembrança,
a vovó no fim dos sonhos.

Eulinda Barreto Fernandes - SP

-
Sou sertanejo e não nego,
crestei meus pés neste chão.
Nestas marcas que carrego,
carrego o próprio sertão!

Francisco Garcia - RN

-
Dentro do meu peito sai
uma frase bem assim:
- Quisera eu ser um pai
tal qual o meu é pra mim!

Francisco Pessoa - CE

-
Nossa solidão a dois,
é tão grande, tão sem fim,
que eu sinto o nosso depois
bem antes morrer em mim...

Gislaine Canales - RS

-
Procurei no seu olhar,
encontrei nele uma ponte,
para seus lábios beijar
e o amor jorrar da fonte.

Hulda Ramos - PR

-
Luzes! Músicas! E a mesa
como nunca alguém sonhou.
Mas havia uma tristeza
que eu não sei por onde entrou...

Janske Schlenker - PR

-
Perfeição, delicadeza,
esmero, brilho, primor,
nada supera a beleza
do encantamento do amor!

JB Xavier - SP

-
Em vez de mel, chocolate,
restou-me um outro sabor:
nos meus lábios, mertiolate
"curando" beijos de amor...

Jeanette De Cnop - PR

-
Ah, relógio, meu amigo,
teus ponteiros, como correm!
O tempo voa contigo
e com ele os sonhos morrem...

Jessé Nascimento - RJ

-
Um gosto de fim de festa,
tristeza, desilusão.
É tudo enfim que nos resta
depois que os sonhos se vão...

João Costa - RJ

-
Mantenha a cabeça erguida,
sorria, volte a cantar...
Sem ânimo para a vida,
você não sai do lugar!

Jorge Fregadolli - PR

-
Pensamento que convém
ao trabalho fraternal:
antes fazer mal o bem,
do que fazer bem o mal...

José Fabiano - MG

-
Cultivemos o jardim
do amor, com perseverança,
para que seja o estopim
de um futuro de esperança.

José Feldman - PR

-
Viver é fazer apostas
sem dar valor a vinténs:
se não tens tudo que gostas,
tens de gostar do que tens.

José Lira - PE

-
O rio nasce na serra,
e o amor no coração.
No mar o rio se encerra,
o amor... na desilusão.

José Maria Mangia - RJ

-
Contemplo a impermanência,
sigo o que a vida apresenta;
são estações da existência
onde o caminho se assenta.

José Marins - PR

-
Até mesmo a companheira,
minha sombra magricela,
sente falta da parceira
que caminhava com ela!...

José Messias Braz - MG

-
Chego a perder a esperança,
vendo ao relento, a dormir,
uma sofrida criança
sem lar, sem paz, sem porvir!

José Valdez - SP

-
A esperança da vitória
impulsiona o caminhar,
e um dia se chega à glória,
mas não sem antes lutar!

Lucília Decarli - PR

-
Paz, amor, felicidade!
Palavras tão usuais,
que seriam, na verdade,
mais bonitas, se reais.

Luiz Antonio Cardoso - SP

-
Nem o sofista profundo
esta verdade falseia:
quem se julga rei do mundo
é um pequeno grão de areia!

Luiz Carlos Abritta - MG

-
Procura entender que ausência
Nem sempre é separação.
O amor traz na própria essência
As marcas da solidão.

Luiz Poeta - RJ


Nem todo poeta trova, / mas o trovador poeta / e a cada

mensagem nova /  ganha um jeito de profeta. 

(Nilton Manoel   SP)


Árvore... da terra abrigo,
que insensato o homem destrói,
pondo a vida ao desabrigo...
desatino que corrói!

Maria Conceição Fagundes - PR

-
Com volúpia e desvario,
neste amor vou mergulhar...
Eu me sinto como o rio,
que se atira para o mar!

Maria Thereza Cavalheiro - SP

-
Eu já fui um beija-flor
em outras vidas passadas:
era segredo em louvor
às flores desamparadas.

Maria Luíza Walendowsky - SC

-
Nosso amor foi tão ranzinza
que explodiu como um vulcão,
deixando somente a cinza
no meu pobre coração.

Maurício Friedrich - PR

-
Perdão Jesus sempre traz,
expulsa as mágoas e a dor;
àquele que for capaz
de perdoar por amor.

Mifori - SP

-
Há emoções que a gente sente,
e que encantam tanto, tanto,
mas, se expressas verbalmente,
perdem parte desse encanto.

Nei Garcez - PR

-
Eu peço ao Deus da bondade:
Não me tire a fantasia,
pois viver só realidade
é impossível, noite e dia!

Nilsa Alves de Melo - PR

-
No rosto, um leve sorriso
disfarça a dor da saudade...
Há vezes em que é preciso
fingir a felicidade.

Olga Agulhon - PR

-
Dou-te atenção e carinho,
tu me dás indiferença,
pois, mesmo estando pertinho,
me negas tua presença.

Renato Alves - RJ


- "Luiz Otávio, diz Jesus, / faça este Céu mais bonito"... / E ele fez trovas de luz / com as estrelas, no infinito. (Thalma Tavares   SP)


Desato o nó da lembrança
e um facho de luz sem fim
me traz de volta a criança
que o tempo levou de mim.

Rita Mourão - SP

-
Bom tempo, quando a ternura
eu encontrava em você...
Hoje, escravo da amargura,
você passa e nem me vê!

Roberto Pinheiro Acruche - RJ

-
Ante o terror das queimadas
na floresta, com carinho,
as árvores abraçadas
tentam proteger os ninhos.

Ruth Farah - RJ

-
Remorso é aquele ponteiro
que, num relógio quebrado,
nos aponta, o tempo inteiro,
um instante do passado.

Sérgio Ferreira da Silva - SP

-
Esta seiva em que alimento
minha alma, noite e dia,
é o amor, o tratamento
de cura da nostalgia.

Talita Batista - RJ

-
Doce palavra vibrante,
lapidada na emoção,
é a trova um raro brilhante,
moldado na nossa mão.

Vanda Alves da Silva - PR

-
Sou vaso, às vezes quebrado...
mas, cada vez, Deus permite
que eu volte a ser restaurado,
com Seu amor sem limite!

Vanda Fagundes Queiroz - PR

-
As melhores gargalhadas
chegam sempre de repente,
em cenas abobalhadas,
e tomam conta da gente...

Vânia Ennes - PR

-
Lembranças de amor desfeito...
silêncio em horas tardias,
pois tua ausência em meu leito
dorme onde outrora dormias.

Wanda Mourthé - MG



Visite

Autor Anônimo (Oração do Cão Abandonado)

DEUS
Sei que sou um ser criado por ti, para ser amado
pelos homens mas nasci sem a sorte de alguns de minha espécie.

Hoje meu dono levou-me a um passeio de carro.
Chegamos em uma praça, ele tirou minha coleira,
me fez descer do carro, e virando-me as costas,
foi embora e nem se despediu.

Tentei segui-lo mas o carro corria muito e não pude alcançá-lo.
Caí exausto no asfalto. Ainda não entendi. Por que ele me abandonou?

Eu sempre o recebi abanando o rabo, fazia festa e lambia seus pés.
Sempre lati forte, para defendê-lo e afastar os estranhos da porta.

Eu brincava com as crianças... ah! elas me adoravam.
Que saudades. Será que elas ainda se lembram de mim?

Deus, eu fico imaginando como seria bom se eu pudesse
comer agora. Puxa, estou faminto.

Não tenho água para beber, e estou tão cansado.

Procuro um cantinho onde possa me abrigar da chuva,
mas muitas vezes sou chutado.
As pessoas não gostam muito de mim aqui nas ruas.

Estou fraco, não consigo andar muito,
mas encontrei enfim um lugar para passar essa noite.

Está muito frio e o chão está molhado.
Já não tenho pêlo para me aquecer, estou doente,
e creio que ainda hoje vou me encontrar contigo.
Aí no céu meu sofrimento vai terminar.

Peço-vos então, pelos outros, por todos os cãezinhos e animais
abandonados nas ruas, nos parques, nas praças.

Mande-lhes pessoas que deles tenham compaixão,
pois sozinhos, viverão poucos meses, serão atropelados,
sofrerão maltratos dos impiedosos. Proteja-os.

Amenize-lhes esse frio, com o calor das pessoas abençoadas.

Diminua-lhes a fome, tal qual a que sinto, com o alimento do amor que me foi negado.

Sacie-lhes a sede com a água pura dos Seus ensinamentos.

Elimine a dor das doenças, dos maltratados, estirpando a
ignorância do homem.

Tire o sofrimento dos que estão sendo sacrificados em atos
apregoados como religiosos, científicos, tirando das mãos
humanas a sede pelo sangue.

Abrande a tristeza dos que, como eu, foram abandonados,
pois, dentre todos os sofrimentos, esse foi o maior e mais
duro de suportar.

Receba, DEUS, nesta noite gelada, a minha alma, e
minha oração pelos que aqui ficam. É por eles que vos peço,
pois não são humanos, mas são Seus filhos, e são leais e inocentes, e foram criados por Suas mãos e merecem o Seu abrigo.

Amém.

Enviar a pagina em pdf por e-mail

Send articles as PDF to