Singrando Horizontes

Vive muito mais feliz
quem bebe as águas das fontes,
e, também, minh´alma diz,
quem vai Singrando Horizontes !
(Ialmar Pio Schneider - Porto Alegre/RS)

Vai, Singrando Horizontes,
O infinito é a ambição
rumo aos mais distantes montes,
rumo à imaginação!
(Sinclair Pozza Casemiro - Campo Mourão/PR)

Você é a Gralha Poeta
que leva nossa poesia
ao mundo, em que o grande esteta
criou com tanta harmonia!
(Nei Garcez – Curitiba/PR)
Nas artes e na literatura, vão surgindo as classificações didáticas, as separações por faixas etárias, estilos, temáticas etc. Ha professores e alunos no Brasil, que aprendem só isso da produção artística. Decoram nomes, escolas e datas, mas não se embrenham nos livros, preferem o futebol ou o vídeo-game. A Literatura de boa qualidade nos empolga, lemos sem poder largar o livro, as páginas suscitam nossa emoção, respondem ou provocam perguntas.

Sem a Literatura acumulada nos séculos, o ser humano estaria muito mais próximo da animalidade que ainda o caracteriza nas páginas policiais. Em minhas oficinas ninguém gasta muito tempo com aquela americana lista de soft, hard etc. etc. Falamos em cenas que não saem da memória, em emoções que derramam lágrimas, falamos em idéias e como expressa-las com eficiência. Quem entra em um Museu não fica procurando renascentistas, impressionistas, dadaistas, cubistas ou abstracionistas. O espectador inteligente não procura escolas ou datas, procura obras primas. Nossa ambição deve ser a obra-prima.

(André Carneiro)


Fonte da Imagem da Pomba = http://www.senado.gov.br/portaldoservidor/jornal/jornal121/qualidade_vida_paz.aspx

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Estante de Livros (Estados Unidos: A Maldição do Tigre)

Romance dos gêneros épico, aventura e mitologia hindu, escrito por Colleen Houck e é o primeiro livro de uma série. Publicado em mais 18 países, chegou a umas das melhores posições no The New York Times. Foi rejeitado por muitas editoras. A série conta: "A Maldição do Tigre", "O Resgate do Tigre", "A Viagem do Tigre" e "O Destino do Tigre" e "A Promessa do Tigre". 

Publicado originalmente pela Editora Splinter, e no Brasil pela Editora Arqueiro, da Editora Sextante, em 31 de outubro de 2011.

Sinopse
Kelsey Hayes perdeu os pais recentemente e precisa arranjar um emprego para custear a faculdade. Contratada por um circo, ela é arrebatada pela principal atração: um lindo tigre branco. Kelsey sente uma forte conexão com o misterioso animal de olhos azuis e, tocada por sua solidão, passa a maior parte do seu tempo livre ao lado dele. O que a jovem órfã ainda não sabe é que seu tigre Ren é na verdade Alagan Dhiren Rajaram, um príncipe indiano que foi amaldiçoado por um mago há mais de 300 anos, e que ela pode ser a única pessoa capaz de ajudá-lo a quebrar esse feitiço.

Determinada a devolver a Ren sua humanidade, Kelsey embarca em uma perigosa jornada pela Índia, onde enfrenta forças sombrias, criaturas imortais e mundos místicos, tentando decifrar uma antiga profecia. Ao mesmo tempo, se apaixona perdidamente tanto pelo tigre quanto pelo homem. Então, Kelsey, Ren e Kishan – o irmão de Ren – embarcam em uma emocionante aventura para derrotar Lokesh e devolver a humanidade dos príncipes tigres, com ajuda da deusa Durga

Personagens Principais

Kelsey Hayes
É uma jovem de 17 anos que, quando seus pais morrem em um acidente de carro, vai morar com outra família. Buscando um trabalho de verão para custear a faculdade, ela entra para um circo, onde desencadeia uma forte ligação pelo príncipe Dhiren, na sua forma como tigre branco, e decide ajudá-lo, assim como seu irmão, o príncipe Kishan, a livrarem-se da maldição colocada há mais de 350 anos.

Sr. Kadam
É o mestre de Ren e Kishan. Sempre está a auxiliar Kelsey, dando conselhos e ajuda quando ela mais precisa. Ele é bastante sábio e sempre cuidou dos príncipes ao passar dos séculos.

Alagan Dhiren Rajaram – Tigre Branco “Ren”
É um príncipe indiano com mais de 300 anos que foi amaldiçoado junto com seu irmão por um mago chamado Lokesh. Transformou-se em um tigre branco de olhos azuis cobalto. Antes da maldição estava destinado a casar com Yesubai, porém foi traído por seu irmão, que queria Yesubai para si.

Sohan Kishan Rajaram - Tigre Negro “Kishan”
É o irmão mais novo de Ren, que assume a forma de um tigre negro de olhos dourados. Ele se apaixona por Yesubai, a prometida de Ren, enquanto ele estava na guerra.

Durga
Deusa responsável por auxiliar os três em sua jornada, lhes dando ferramentas cruciais para sobreviver em cada situação imposta para que eles possam quebrar A Maldição do Tigre.

Lokesh
É o mago do mal que aprisiona os príncipes em forma de tigres. Ele também é imortal, e quer impedir a busca de Kelsey pela quebra da maldição, o que significaria o fim de seus poderes. Chega a ser baixo e manipulador para conseguir o que ele quer. Tem uma paixão insaciável por poder.

Yesubai
Filha de Lokesh, é a princesa indiana que estava prometida em casamento a Dhiren, contudo, se envolve emocionalmente com seu irmão Kishan. Ela realmente o amava, porém Lokesh pretende usar isso contra ela, enquanto Dhiren está na guerra. É morta por Lokesh. Descrita como miúda, batendo no ombro de Kishan, e o mesmo diz que ela era adorável e tinha incríveis olhos violetas, cabelos lisos e negros.
____________________

Colleen Houck, a escritora da série, sempre sonhou em escrever uma série de romance. Ela estudou na Universidade de Arizona e trabalhou com intérprete para língua de sinais durante 17 anos. Colleen Houck nasceu em 03 de outubro de 1969, em Tucson, Arizona, Estados Unidos. Colleen é, antes de tudo, uma leitora assídua. Adora ação, aventura, ficção científica e romance. Seus livros favoritos incluem um pouco de cada um. Depois de obter um grau de associado da faculdade de Rick e transferência para a Universidade do Arizona, ela largou a escola para ir em uma missão da igreja onde acabou conhecendo o marido. Desde então, ela teve uma variedade de cargos, incluindo grupo de advocacia, gerente de cozinha chinesa, intérprete de linguagem, entre outros. Houck também se considera uma especialista na montagem de sanduíches Big Mac e Clássicos Big Bacon e, sim, o canal Food Network é sua estação favorita. Suas inspirações são Shakespeare, Stephenie Meyer, Chris Paolini, JK Rowling, Madeleine L, e outros. Seu gênero literário favorito para escrita é, portanto, ficção.

Colleen já viveu no Arizona, Idaho, Utah, Califórnia e Carolina do Norte e Salem, no Oregon com o marido e dois tigres, branco e preto, de pelúcia.

Bibliografia:
• A Maldição do Tigre; O Dom da Esperança (bônus de A Maldição do Tigre); O Resgate do Tigre; A Viagem do Tigre; O Destino do Tigre; A Promessa do Tigre; O Despertar do Príncipe; O Coração da Esfinge (lançamento); 

Fonte: 

Nenhum comentário:

Autor Anônimo (Oração do Cão Abandonado)

DEUS
Sei que sou um ser criado por ti, para ser amado
pelos homens mas nasci sem a sorte de alguns de minha espécie.

Hoje meu dono levou-me a um passeio de carro.
Chegamos em uma praça, ele tirou minha coleira,
me fez descer do carro, e virando-me as costas,
foi embora e nem se despediu.

Tentei segui-lo mas o carro corria muito e não pude alcançá-lo.
Caí exausto no asfalto. Ainda não entendi. Por que ele me abandonou?

Eu sempre o recebi abanando o rabo, fazia festa e lambia seus pés.
Sempre lati forte, para defendê-lo e afastar os estranhos da porta.

Eu brincava com as crianças... ah! elas me adoravam.
Que saudades. Será que elas ainda se lembram de mim?

Deus, eu fico imaginando como seria bom se eu pudesse
comer agora. Puxa, estou faminto.

Não tenho água para beber, e estou tão cansado.

Procuro um cantinho onde possa me abrigar da chuva,
mas muitas vezes sou chutado.
As pessoas não gostam muito de mim aqui nas ruas.

Estou fraco, não consigo andar muito,
mas encontrei enfim um lugar para passar essa noite.

Está muito frio e o chão está molhado.
Já não tenho pêlo para me aquecer, estou doente,
e creio que ainda hoje vou me encontrar contigo.
Aí no céu meu sofrimento vai terminar.

Peço-vos então, pelos outros, por todos os cãezinhos e animais
abandonados nas ruas, nos parques, nas praças.

Mande-lhes pessoas que deles tenham compaixão,
pois sozinhos, viverão poucos meses, serão atropelados,
sofrerão maltratos dos impiedosos. Proteja-os.

Amenize-lhes esse frio, com o calor das pessoas abençoadas.

Diminua-lhes a fome, tal qual a que sinto, com o alimento do amor que me foi negado.

Sacie-lhes a sede com a água pura dos Seus ensinamentos.

Elimine a dor das doenças, dos maltratados, estirpando a
ignorância do homem.

Tire o sofrimento dos que estão sendo sacrificados em atos
apregoados como religiosos, científicos, tirando das mãos
humanas a sede pelo sangue.

Abrande a tristeza dos que, como eu, foram abandonados,
pois, dentre todos os sofrimentos, esse foi o maior e mais
duro de suportar.

Receba, DEUS, nesta noite gelada, a minha alma, e
minha oração pelos que aqui ficam. É por eles que vos peço,
pois não são humanos, mas são Seus filhos, e são leais e inocentes, e foram criados por Suas mãos e merecem o Seu abrigo.

Amém.

Enviar a pagina em pdf por e-mail

Send articles as PDF to